Início > Notícia > Dirigente agride árbitro e vai pra DP

Dirigente agride árbitro e vai pra DP

Presidente do Brasília se revolta após derrota para o Botafogo-DF, em casa, por 2 x 1, e ataca o árbitro Almir Camargo no caminho do vestiário.

O Campeonato Brasiliense de futebol de 2011 começou conturbado. Logo na estreia da competição, na partida Brasília 1 x 2 Botafogo-DF, domingo, no estádio Rorizão, o foco acabou longe do gramado. Os grandes personagens foram o presidente do Brasília, Roberto Marques, e o árbitro da partida, Almir Camargo. Depois do apito final, o dirigente dos donos da casa agrediu o juiz com um tapa nas costas e deu início a toda a confusão.

“Eu reclamei, xinguei e dei um tapinha nas costas dele, um tapinha! Um vagabundo desses está se sentindo agredido por causa de um tapinha”, disparou Marques, confirmando a agressão.

A fúria do presidente do Brasília se deu por conta de supostas faltas não marcadas pelo árbitro durante a partida. Ao telefone com o presidente da Federação Brasiliense de Futebol, Paulo Araújo, o Paulinho, ainda no gramado, ele reclamou de que a partida teria sido arranjada para o rival vencer.

“Dois jogadores nossos foram agredidos. Quer levar para a delegacia? Leva nossos jogadores para fazer exame de corpo de delito também”, esbravejou, avisando que vai protestar na federação. Questionado sobre que medidas iria tomar, Marques foi curto e grosso. “Vou pedir para eliminar ele do futebol, só isso.”

Depois que o dirigente foi levado pelos policiais para a 32ª Delegacia de Polícia, em Samambaia, o árbitro saiu do vestiário e também se dirigiu ao local em seu próprio carro, acompanhado por outros PMs. Ele não quis falar com a imprensa e entrou no veículo sem dizer uma palavra. Em meio à confusão, o presidente do Botafogo-DF, Walther Teodoro, comentou os acontecidos. “Eu acho que ele (Roberto Marques) não assistiu ao jogo. Se o árbitro ajudou alguém, foi o Brasília. Nós tivemos dois lances de contra-ataque que ele interrompeu”, reclamou, aproveitando para criticar a postura do outro mandatário. “Isso demonstra todo o nervosismo dele. Antes de o jogo começar ele fez várias acusações contra o Botafogo. Só tenho a lamentar, é uma pena um presidente de um clube da primeira divisão estar passando por essa situação.”

Fonte: SAFERGS / Superesportes
Link: http://www.safergs.com.br/content/view/2830/1/

Anúncios
Categorias:Notícia Tags:
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: