Início > Notícia > FIFA muda teste físico para árbitros

FIFA muda teste físico para árbitros

Elite mundial da arbitragem em dia de teste FIFA.

A FIFA, entidade máxima do futebol, definiu novos critérios para a avaliação física dos árbitros espalhados pelo mundo. O chamado “novo teste físico”, adotado há alguns anos, sofreu alterações significativas este ano, principalmente com relação aos tempos exigidos nas corridas. Também houve uma categorização, de acordo com o nível dos árbitros.

O antigo teste, que consistia basicamente de uma corrida de cooper de 12 minutos e tiros de 50 e 200 metros ficou para trás, por ser considerado obsoleto para os padrão físico atualmente exigido aos árbitros.

Desde então a FIFA adotou um novo conceito de avaliação, que consiste em uma prova de 6 tiros curtos de 40 metros e uma outra prova de 20 tiros de 150 metros, com mais 50 metros de recuperação em caminhada. Os critérios de tempo deste teste eram diferenciados apenas por função (árbitro e assistente) e sexo (masculino e feminino).

Segundo o livro de instruções da FIFA, foram criadas 4 (quatro) diferentes categorias para a prova física.

A prova de tiros curtos (40m) tem os seguintes tempos de referência para os homens:

  • Categoria 1: máximo de 6,2 segundos para árbitros e 6,0 segundos para assistentes
  • Categoria 2: máximo de 6,4 segundos para árbitros e 6,2 segundos para assistentes
  • Categorias 3 e 4: máximo de 6,6 segundos para árbitros e 6,4 segundos para assistentes

A prova de tiros curtos (40m) tem os seguintes tempos de referência para as mulheres:

  • Categoria 1: máximo de 6,6 segundos para árbitras e 6,4 segundos para assistentes
  • Categorias 2, 3 e 4: máximo de 6,8 segundos para árbitras e 6,8 segundos para assistentes

A prova de tiros longos (150m) tem os seguintes tempos de referência para os árbitros homens:

  • Categoria 1: corrida de 150 metros em até 30 segundos e recuperação de 50 metros em 35 segundos
  • Categoria 2: corrida de 150 metros em até 30 segundos e recuperação de 50 metros em 40 segundos
  • Categorias 3 e 4: corrida de 150 metros em até 35 segundos e recuperação de 50 metros em 40 segundos

A prova de tiros longos (150m) tem os seguintes tempos de referência para os assistentes homens:

  • Categoria 1: corrida de 150 metros em até 30 segundos e recuperação de 50 metros em 40 segundos
  • Categoria 2: corrida de 150 metros em até 30 segundos e recuperação de 50 metros em 45 segundos
  • Categorias 3 e 4: corrida de 150 metros em até 35 segundos e recuperação de 50 metros em 45 segundos

A prova de tiros longos (150m) tem os seguintes tempos de referência para as árbitras mulheres:

  • Categoria 1: corrida de 150 metros em até 35 segundos e recuperação de 50 metros em 40 segundos
  • Categorias 2, 3 e 4: corrida de 150 metros em até 35 segundos e recuperação de 50 metros em 45 segundos

A prova de tiros longos (150m) tem os seguintes tempos de referência para as assistentes mulheres:

  • Categoria 1: corrida de 150 metros em até 35 segundos e recuperação de 50 metros em 45 segundos
  • Categorias 2, 3 e 4: corrida de 150 metros em até 35 segundos e recuperação de 50 metros em 50 segundos

A CBF, em seu último teste físico, realizado em Junho, adotou a categoria 1 (um) como critério de avaliação dos seus árbitros, exigindo 24 repetições dos tiros de 150 metros. Já a Federação Paulista de Futebol adotou a categoria 3 (três) na sua avaliação do mesmo mês, mantendo os mesmos 20 tiros exigidos.

Anúncios
Categorias:Notícia Tags:
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: