Início > Notícia > FIFA confirma a utilização de tecnologia na linha do gol na Copa de 2014

FIFA confirma a utilização de tecnologia na linha do gol na Copa de 2014

A FIFA confirmou nesta terça-feira que utilizará recursos tecnológicos na linha do gol nas partidas da Copa do Mundo do Brasil, em 2014. Depois de testar o “juiz eletrônico” no Mundial de Clubes do Japão em dezembro de 2012, a entidade decidiu expandir o uso no Mundial e na Copa das Confederações do Brasil.

A experiência feita no torneio vencido pelo Corinthians no Japão foi um marco no futebol, já que foi a primeira vez que a Fifa usou um recurso tecnológico para confirmar se foi gol ou não. Os sistemas usados foram o “Hawk-eye” e “GoalRef”. No entanto, nenhum lance polêmico exigiu o uso dos sistemas.

goalref

“Depois de uma implementação bem-sucedida de tecnologia na linha do gol (GLT), no Mundial de Clubes no Japão em dezembro de 2012, a Fifa decidiu usar GLT no Brasil da Copa das Confederações de 2013 e Copa de 2014”, disse a Fifa em um comunicado.

A entidade ainda confirmou que a ideia é usar o Hawk-eye e GoalRef em todas as partidas do Mundial, portanto todos os 12 estádios receberão os equipamentos. O primeiros sistema determina se foi gol ou não através de câmeras espalhadas pelo estádio, enquanto o segundo coloca sensores nas duas traves e na bola, que mandam um aviso para o árbitro em caso de gol.

“O objetivo é usar GLT a fim de apoiar os árbitros e para instalar um sistema em todos os estádios, enquanto se aguarda a instalação bem-sucedida, e pré-testes corresponder árbitro”, completou a entidade.

A Fifa revelou também que poderá aumentar para quatro a quantidade de tecnologias que ajudem os árbitros. O terceiro sistema foi desenvolvido na Alemanha e já passou pelos primeiros testes e agora está sendo discutido seu licenciamento. O quarto sistema também é alemão e seus resultados serão conhecidos nesta semana.

“Com diferentes tecnologias no mercado, a Fifa lançou hoje (terça) um concurso que estabelece os requisitos técnicos exigidos para as duas próximas competições no Brasil”, disse a Fifa, que determinou que os sistemas Hawk-eye e Goalref também passarão pelo processo.

A seis sedes da Copa das Confederações (Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília, Recife, Fortaleza e Salvador) serão visitadas pelos fornecedores da tecnologia da linha do gol em março.

A Fifa sempre se mostrou contrária à utilização de qualquer sistema durante as partidas, mas a pressão cresceu após o polêmico chute do meia inglês Lampard durante a partida contra a Alemanha na Copa de 2010. O arremate do jogador cruzou a linha quando o jogo estava 2 a 1 para os alemães, mas o gol não foi validado e os ingleses perderam por 4 a 1.

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: