Arquivo

Archive for novembro \29\UTC 2013

Spray será usado por árbitros no Mundial de Clubes, em dezembro

O spray foi regulamentado pela Fifa no ano de 2012 (Foto: Heine Allemagne/Arquivo pessoal).

O spray foi regulamentado pela Fifa no ano de 2012 (Foto: Heine Allemagne/Arquivo pessoal).

Os árbitros do Mundial de Clubes, que será disputado em dezembro, no Marrocos, terão um importante aliado no torneio. A International Football Association Board (Ifab) aprovou o uso do spray na competição, após receber uma avaliação positiva dos árbitros que o utilizaram no Mundial Sub-17, disputado no mês de outubro, Emirados Árabes Unidos. O spray também já havia sido testado Copa do Mundo Sub-20, em julho, na Turquia.

Criado pelo mineiro Heine Allemagne para demarcar a distância que a barreira deverá ficar da bola, o spray é produzido por uma empresa argentina e foi regulamentado pela Fifa em 2012.

O ex-árbitro e atual chefe do Departamento de Arbitragem da Fifa, Massimo Busacca, ressaltou a importância do Spray.

– Ele possui um efeito preventivo evidente, já que a distância sempre é respeitada, portanto nenhum cartão amarelo por violação dessa distância precisou ser mostrado nos dois torneios disputado até agora. Depois do Mundial de Clubes no Marrocos serão feitas mais avaliações. Analisaremos os resultados e discutiremos se o spray será utilizado nas competições da Fifa futuramente.

Fonte: Globo Esporte

Anúncios
Categorias:Notícia Tags:, ,

Árbitros brasileiros no Mundial de Clubes 2013

ricci_003O árbitro brasileiro Sandro Meira Ricci figura entre os selecionados para o Mundial de Clubes, que será realizado no Marrocos entre 11 e 21 de dezembro, junto aos assistentes Emerson de Carvalho e Marcelo van Gasse, ambos de São Paulo.

A Fifa divulgou nesta terça-feira os trios de arbitragem que estarão presentes na competição, na qual figuram também o espanhol Carlos Velasco Carballo, o americano Mark. W. Geiger, o gambiano Bakary Papa Gassama e Ali Hamad Albadwawi, dos Emirados Árabes Unidos.

Sandro Meira Ricci, nascido em 1974, já participou neste ano do Mundial sub-20 na Turquia, no qual apitou a partida válida pelo terceiro posto entre Gana e Iraque, além de comandar algumas partidas das Eliminatórias Sul-americanas para a Copa do Mundo de 2014.

O Mundial de clubes 2013 será disputado nas cidades de Marrakesh e Agadir e a relação completa dos trios de arbitragem – um por cada confederação – selecionados pela Fifa é a seguinte:.

– AFC: Ali Hamad Albadwawi (EAU /principal)

Sale Al Marzouqi (EAU/assistente) e Mohammed Al Mehairi (EAU/assistente)

– CAF: Bakary papa Gassama (GAM/principal)

Angesom Ogbamariam (ERI/assistente) e Felicien Kabanda (RÚA/assistente)

– CONCACAF: Mark W. Geiger (EUA/principal)

Mark Hurd (EUA/assistente) e Joe Fletcher (CAN/assistente)

– CONMEBOL: Sandro Meira Ricci (BRA/principal)

Emerson De Carvalho (BRA/assistente) e Marcelo Van Gasse (BRA/assistente)

– Uefa: Carlos Velasco Carballo (ESP/principal)

Roberto Alonso Fernández (ESP/assistente) e Juan Carlos Yuste Jiménez (ESP/assistente).

O trio de apoio será formado pelo camaronês Neant Alioum, como árbitro principal, junto ao compatriota Evarist Menkouande e ao nigeriano Peter Edibi como assistente.

Fonte: Jovem Pan

Silva Regina participa de curso de árbitras no Paraguai

destaque_silvia_siteAconteceu nos dias 11 a 15 de novembro em Assunção, no Paraguai, um curso voltado especialmente para árbitras e árbitras assistentes da Associação Paraguaia de Futebol, sob o patrocínio da Fédération Internationale de Football Association (FIFA).

O curso teve como instrutora técnica, Sílvia Regina de Oliveira, Instrutora FIFA/Brasil – que faz parte da Comissão de Árbitros da FPF em São Paulo – entre outros instrutores locais, preparadores físicos e psicólogos, e é parte do programa da FIFA para o desenvolvimento da arbitragem feminina.

O curso visa as próximas competições mundiais em várias categorias de futebol feminino, e a formação das árbitras é essencial para aspirar a liderar nestas competições.

Este é o terceiro curso de elite organizado de forma contínua entre o Programa de Desenvolvimento de Futebol Feminino da FIFA e APF.

O presidente do Sindicato dos Árbitros de Futebol do Estado de São Paulo, Arthur Alves Júnior parabenizou a instrutora Sívia Regina por mais um curso ministrado e tem satisfação de tê-la no quadro de associados SAFESP.

Fonte: SAFESP

Categorias:Notícia Tags:,

Árbitro paraguaio leva uma voadora na cara

A partida entre Coronel Romero e Porvenir, pela Liga Regional do Sul, no Paraguai, infelizmente terminou em mais um caso de agressão ao árbitro. Coronel vencia por 2 a zero e, como muito acontece, a equipe perdedora creditou sua derrota ao árbitro da partida.

Durante o segundo tempo, um atleta do Porvenir recebeu cartão vermelho após uma entrada dura em um adversário e prontamente saiu de campo. Porém, seus colegas de equipe ficaram insatisfeitos e partiram para cima do árbitro para tomar satisfação de forma agressiva. O árbitro então expulsou mais dois jogadores a confusão foi armada. Insatisfeitos, parte da equipe partiu para cima do árbitro.

Por um descuido, o oficial deu as costas à corja e, mesmo com a presença efetiva de policiamento, um dos jogadores aplicou uma voadora no rosto do árbitro, acertando-o em cheio. Por falta de segurança, a partida foi finalizada e o árbitro saiu sob escolta policial.

Fonte: Pro Referee

Categorias:Humor Tags:,

Treinador agride árbitro no Irã

635127042897840330

Em um jogo da categoria de base em Teerã, capital do Irã, um treinador, após ter sido expulso por reclamação, adentrou ao campo de jogo em direção à equipe de arbitragem e agrediu de forma brutal o árbitro, após o final da partida.

Pessoas presentes no local ajudaram a evitar uma confusão maior e, com muito trabalho, conduziram o treinador para a área dos vestiários.

Porém, para aumentar a confusão, o árbitro foi em direção ao túnel do vestiário e a confusão se prolongou por um bom tempo, infelizmente, e o quebra pau continuou lá dentro.

De acordo com a mídia local, ao final da história, o árbitro terminou com um corte e sangramento na região abaixo do seu olho esquerdo. Já o treinador foi preso pela polícia, e posteriormente liberado.

Vejam as imagens.

Fonte: Pro Referee

 

Categorias:Notícia Tags:,

Jovem de São Sepé realiza sonho de ser árbitro de futebol

Tiago Stoduto foi aprovado no curso da FGF, junto com uma estudante da UFSM.

15770557

Maíra (à esq.) também foi aprovada e poderá trabalhar como auxiliar em 2014.

Os meses de outubro nunca mais serão os mesmos para um jovem morador de São Sepé, e que, desde criança, é um apaixonado pelo futebol. A cada nova temporada, será nesse período do ano que Tiago Pires Stoduto, 27, irá comemorar mais um ciclo como árbitro profissional.

Colocar o apito na boca, marcar faltas, usar os cartões amarelo e vermelho para manter a disciplina dos jogadores virou coisa séria há oito anos, quando Tiago passou a trabalhar em torneios amadores da cidade natal. De lá para cá, o desempenho em campo levou o acadêmico do último ano de administração na Urcamp, em Caçapava do Sul, a apitar partidas em campeonatos da região, e, não deu outra: em maio deste ano, Tiago passou a viajar todas sextas-feiras para Porto Alegre, onde frequentou o curso de arbitragem da Federação Gaúcha de Futebol (FGF).
– Foram seis meses, onde recebi a teoria, com as regras do esporte. Junto, tive de me preparar fisicamente, para a prova prática, onde o teste final exigiu correr 2,7 km em menos de 12 minutos – explica Tiago, que também passou por testes teóricos.

No curso, Tiago recebeu orientações de José Mocelin, Luiz Martins e Alexandre Barreto Filho, professores e ex-árbitros da FGF. A cada aula, o jovem utilizava Anderson Daronco, de Santa Maria, como exemplo. Segundo ele, o árbitro virou referência aos jovens que pretendem seguir a carreira de árbitro de futebol (veja o quadro acima).
– O Daronco já é do quadro da CBF. Uso ele como inspiração para crescer na carreira e ser um árbitro federado – revela Tiago, que integrará a categoria C de árbitros da FGF, e apitará jogos do Estadual sub-15, no ano que vem, antes de mudar para as categorias B e A, quando, enfim, poderá trabalhar em jogos da Divisão de Acesso e do Gauchão.

Acadêmcia da UFSM poderá atuar como auxiliar

Maíra Mastella Moreira, 20 anos, também foi aprovada no mesmo curso de árbitros da FGF. Ela nasceu em Cruz Alta e, desde pequena, sempre gostou de futebol. O tempo passou e a jovem, agora acadêmica do 7º semestre de Efducação Física da UFSM, decidiu fazer um estudo sobre a mulher na arbitragem do futebol de campo masculino.
_ A partir daí, decidi conhecer mais o assunto e fazer o curso de arbitragem. Com a aprovação, posso atuar como assistente (bandeirinha) em jogos da categoria sub-15. Na escola, desde a 2ª série, sempre escolhia o futebol como esporte _ conta Maíra, que também deve ser chamada pela FGF para trabalhar em jogos do Estadual sub-15, no ano que vem.

Fonte: Diário de Santa Maria

Categorias:Notícia Tags:

Árbitra inglesa erra ao validar gol em rede furada

Na Quinta Divisão do Campeonato Inglês, juíza Amy Fearn protagoniza lance polêmico na vitória do Kidderminster sobre o Wrexham por 3 a 1.

A Quinta Divisão do Campeonato Inglês convive com uma grande polêmica desde o último sábado. No fim de semana, o Kidderminster Harriers recebeu o Wrexham e levou a melhor por 3 a 1, no Aggborough Stadium, pela abertura da 19ª rodada. Na partida, o gol de honra do time visitante, marcado por Adrian Cieslewicz, chamou a atenção pela forma inusitada como aconteceu. O motivo? A bola passou por um buraco na rede e foi parar atrás da baliza. A árbitra Amy Fearn equivocadamente apontou tiro de meta, mas acabou validando o gol após seis minutos de muita confusão.

O lance aconteceu os 26 minutos do segundo tempo. O Wrexham já perdia por 2 a 0, quando Adrian Cieslewicz aproveitou bobeira do time adversário, arrancou pela direita, chutou na saída do goleiro Lewis e correu em direção à torcida festejando. A árbitra inglesa Amy Fearn, no entanto, não viu gol porque a bola passou por um furo e automaticamente deu a posse de bola para o Kidderminster Harriers. A confusão estava armada. Seis minutos depois – após consultar os dois auxiliares e perante os protestos dos visitantes -, a juíza voltou atrás e assinalou o gol.

amyfearn_get

Fonte: SporTV

Categorias:Notícia
%d blogueiros gostam disto: