Início > Notícia > Árbitro relata confusão entre gandula e médico na Série B

Árbitro relata confusão entre gandula e médico na Série B

A confusão entre um gandula da Ponte Preta e o médico do Vila Nova Bernardino Santi foi citada pelo árbitro baiano Manoel Nunes Lopo Garrido na súmula da vitória da Macaca por 1 a 0 na noite desta terça-feira, no Majestoso, em Campinas, pela sexta rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

gandula-tapa-medico

O caso aconteceu aos 47 minutos do segundo tempo, quando o técnico do Vila, Waldemar Lemos, reclamou que Aldo David Silva Lima estava retardando a reposição da bola para favorecer a Ponte. Houve troca de ofensas entre os dois, e Santi foi tirar satisfação com o gandula, que, mesmo contido pelo quarto árbitro Antônio Rogério Batista do Prado, agrediu o médico do Vila com um tapa na cara. O médico ainda tentou revidar, mas Aldo conseguiu escapar.

A atitude rendeu expulsão aos dois. O gandula foi retirado do local pelo policiamento. Santi, que não faz parte do corpo médico do Vila e foi contratado para prestar serviços exclusivamente para a partida contra a Ponte, chegou a afirmar que faria um boletim de ocorrência contra o gandula.

Enquanto o clima fora de campo esquentou, o Vila desperdiçou a última chance de empatar com Almir, após bate e rebate dentro da área. A confusão começou antes da cobrança de falta que originou a oportunidade derradeira aos visitantes.

Veja o relato da súmula sobre o incidente:

“Expulsei aos 47 minutos do segundo tempo de jogo o sr. aldo david silva lima, rg: 43.214.646-5 gandula da equipe da ponte preta, por retardar a reposição da bola para colocá-la em jogo. neste momento o técnico da equipe do vila nova sr. waldemar lemos de oliveira, se direcionou ao gandula para reclamar, momento em que o gandula proferiu: “vai se f…., vai tomar no seu c.”. após este momento o médico da equipe do vila nova sr. bernardino santi crm 49.407 foi ao encontro do gandula e trocaram socos e pontapés. o policiamento interviu e retirou o gandula das imediações do campo de jogo. após o ocorrido o árbitro reserva sr. antonio rogério batista do prado informou ao médico que ele estava expulso, onde o mesmo deu as costas e se dirigiu ao banco de reservas para pegar seu material de trabalho, tempo este que encerrou-se a partida”.

Fonte: Globo Esporte

Anúncios
Categorias:Notícia
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: