Início > Geral > Árbitro de vídeo no Brasileirão é rejeitado em reunião da CBF

Árbitro de vídeo no Brasileirão é rejeitado em reunião da CBF

Em congresso técnico, realizado nesta segunda-feira na sede da entidade, decisão foi por esperar testes das quartas de final da Copa do Brasil para avaliar se VAR é bem-sucedido.

Ainda não será nesta edição que o Campeon ato Brasileiro de 2018 terá árbitro de vídeo. A rejeição ao uso do VAR já neste ano ocorreu durante uma reunião do congresso técnico da CBF, nesta segunda-feira.

No encontro dos representantes dos 20 clubes da Série A, ocorrido na sede da entidade, 12 clubes (Corinthians, Santos, América-MG, Cruzeiro, Atlético-MG, Atlético-PR, Paraná, Vasco, Fluminense, Sport, Vitória e Ceará) votaram contra o uso do recurso já nesta competição, enquanto que sete (Flamengo, Botafogo, Bahia, Chapecoense, Palmeiras, Grêmio e Internacional) se demonstraram favoráveis. O São Paulo se absteve.

Os clubes preferiram esperar as experiências a partir das quartas de final da Copa do Brasil. Caso seja bem-sucedido, o uso do VAR voltará a ser votado para o Brasileirão de 2019.

Já o veto à grama sintética da Arena da Baixada foi rechaçado. Além disto, os 20 clubes da Série A aprovaram o mando de campo itinerante, que permite aos times atuarem por cinco vezes longe de seus estados de origem.

A aprovação do mando itinerante trouxe algumas ressalvas: a obrigatoriedade da concordância do visitante e da federação do clube mandante. Além disto, não serão permitidas vendas de mandos nas últimas cinco rodadas do Campeonato Brasileiro.

Fonte: Lance!

Anúncios
Categorias:Geral Tags:, , , ,
  1. Rock Hudson Mahado
    07/02/2018 às 13:15

    Essa atitude não poderia ser diferente. Em um país onde impera a falcatrua, gambiarras, jeitinhos e claro propinas, colocar á disposição desta laia de pessoas algo que certamente irá diminuir a margem de erro e promover uma maior justiça nos placares, só pode ser recusado. O pior é que a entidade que deveria prezar pela igualdade na competição é administrada por elementos cuja a palavra honestidade e Ética não constam do seu vocabulário. Que afirma isso é a própria história e a justiça americana. Mais um motivo de tristeza para todos aqueles que são os verdadeiros amantes do futebol. Que vença a malandragem.

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: