Arquivo

Posts Tagged ‘2017’

Copa das Confederações começou com uso intenso do árbitro de vídeo

No último domingo, foram dois gols anulados e um confirmado graças ao uso da tecnologia de vídeo.

Já na primeira rodada da Copa das Confederações 2017 na Rússia a competição começou interessante por conta do intenso uso do árbitro de vídeo (AV) para confirmar ou corrigir 3 decisões cruciais em duas partidas.

O árbitro argentino Nestor Pitana foi o primeiro a receber a ajuda da tecnologia quando seu árbitro de vídeo dedurou uma irregularidade. O juíz portenho anulou o que seria o primeiro gol de Portugal contra o México, por conta de um impedimento que não foi bem observado na origem do gol.

Na outra partida entre Camarões e Chile, o atacante chileno Eduardo Vargas marcou um gol no fim do primeiro tempo e saiu em comemoração. Porém, o árbitro Damir Skomina, da Eslováquia, recebeu a informação de que Vargas estava impedido no momento do passe de Vidal. Apesar da reclamação dos sulamericanos, o gol foi corretamente anulado.

Ainda na mesma partida, Vargas marcou o segundo gol e, antes mesmo de comemorar, olhou para árbitro para confirmar o tento e saiu para extravazar sua alegria. Quando viu o assistente com a bandeira levantada Vargas quase surtou. Desta vez, no entanto, o gol foi corretamente validado com a ajuda do AV para a felicidade dos chilenso.

– O recurso é uma nova regra. Se funcionar para o bem do futebol, me parece algo bom. No começo, não entendi muito bem por que o gol tinha sido anulado. Depois me informei, mas havia muita confusão – disse o treinador português Fernando Santos.

Para Juan Pizzi, técnico do Chile, é preciso entender essa nova cultura no futebol.

– Em outra situação antes deste campeonato teria sido válido esse gol. Será necessário que passe algum tempo, que conheçamos essas novas sensações. No nosso caso, poderíamos ter ido ao vestiário ganhando por 1 a 0, mas entraram com um 0 a 0. Temos que dar uma certa margem para ver como se desenvolve isso tudo. A ajuda tecnológica e quantidade de gente que revisa as ações refletirão em maior justiça, ainda que a parte negativa será a parte emotiva para os jogadores – comentou o treinador.

Até o momento o saldo foi bem positivo para a nova tecnologia que acertou em 3 lances capitais nas partidas. Isso ajuda a minimizar as reclamações e dúvidas pós-jogo. Será o fim das discussões de futebol ou uma nova era que ainda não conhecemos?

Chefe da arbitragem da CBF descarta interferência externa na Ressacada

Árbitro marcou pênalti e, mais de dois minutos depois, voltou atrás. Coronel Marcos Marinho afirma: “Absoluta certeza de que não houve nenhuma interferência externa”.

Depois da confusão instalada na Ressacada quando o árbitro da partida entre Flamengo e Avaí, Paulo Schleich Vollkopf (MS), voltou atrás na marcação de um pênalti a favor do time da casa, o chefe da comissão de arbitragem da CBF, coronel Marcos Marinho, não hesitou em dizer que não houve interferência externa para que a decisão inicial fosse alterada. Ele afirmou que a medida foi tomada pela equipe de arbitragem no gramado e disse que já pode confirmar que não ocorreu qualquer tipo de interferência alheia ao campo de jogo.

O lance da polêmica foi no segundo tempo, quando a partida já estava empatada em 1 a 1, e Éverton se embolou com Diego Tavares na área rubro-negra. O árbitro assinalou o pênalti, deu cartão amarelo para Éverton e, minutos depois, retirou a advertência e mudou a marcação. Foram dois minutos e vinte segundos do momento em que o pênalti foi marcado até a mudança de decisão. Os jogadores do Avaí reclamaram muito e o experiente Marquinhos, que já estava no banco de reservas após ser substituído, acabou expulso por reclamação.

Questionado sobre a possibilidade de interferência, Marinho foi incisivo:

– Não, nenhuma. Nenhuma interferência. Foi uma decisão da equipe de arbitragem, sem interferência externa.

Em seguida, Marinho foi questionado se já era possível ter essa certeza momentos depois da partida, já que houve uma demora de mais de dois minutos para a mudança de decisão. Novamente, ele foi direto:

– Absoluta certeza. Vão atrás e descubram. Absoluta certeza de que não houve nenhuma interferência externa, até porque as recomendações são muito severas quanto a isso. Pode falar que já confirmei isso aí. Não há.

Fonte: Globo Esporte

CBF contrata seguro para árbitros de futebol

30/05/2017 1 comentário

Os integrantes das equipes de arbitragem que atuam nos campeonatos organizados pela CBF estão vivendo um avanço histórico em sua atividade. A entidade contratou, este mês, um seguro de vida e de acidentes pessoais em favor dos árbitros, quando no exercício de suas atividades.

Esse benefício foi comunicado em documento enviado pelo presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, à Associação Nacional dos Árbitros de Futebol (ANAF). O seguro para a arbitragem proporciona, além do que já era concedido, uma proteção à incapacidade temporária causada por eventuais lesões ou doenças.

Como a CBF ampliou e assumiu o pagamento do seguro aos árbitros, os clubes e federações não precisam mais incluir no borderô do jogo o custo relativo a esse serviço. Para ratificar a mudança, foi alterado o Artigo 90 do Regulamento Geral das Competições (RGC).

Para o presidenta da Comissão de Arbitragem da CBF, Marcos Marinho, o momento representa um avanço relevante nas condições oferecidas aos árbitros, que passam a ter mais tranquilidade no cotidiano de trabalho.

– Estamos colocando em prática um grande planejamento de evolução da arbitragem. Isso envolve todos os setores, do curso ao aperfeiçoamento, além da cobrança por alto desempenho, avaliação e as melhorias diretas para os árbitros e árbitras. O novo seguro faz parte dessa linha de desenvolvimento – destacou Marinho.

Fonte: CBF

Categorias:Notícia Tags:,

IFAB inicia hoje o quarto workshop sobre árbitro de vídeo na FIFA

O 4º workshop do IFAB sobre os experimentos do árbitro de vídeo (AV) no futebol acontecerá na sede da FIFA em Zurique, na Suíça, entre 30 de maio e 1 de Junho de 2017. Será o último workshop antes dos testes ao vivo dos participantes deste programa, já em seu segundo ano de testes.

A entidade convidou todas as associações e ligas participantes dos experimentos, bem como outros interessados, para participar do evento.

O primeiro dia será dedicado às associações e ligas que estão no estágio inicial do uso do AV. As sessões vão destacar os aspectos fundamentais relacionados ao protocolo de uso do AV, treinamento dos árbitros e árbitros de vídeo, uso da tecnologia e os requisitos para os testes em competições.

Já no segundo e terceiro dias o foco será dados na experiência adquirida nos últimos 10 meses, adquirido em uma dúzia de jogos disputados em diferentes partes do mundo, que foram significantes para aprimorar o protocolo e sua aplicação prática no campo de jogo.

– Este workshop é muito importante para os testes e o sucesso do árbitro de vídeo, pois os organizadores vão nos dar informações importantes sobre o uso do VAR até o momento and vão ajudar a moldar o protocolo final, bem como os procedimentos de implementação do futuro conceito do AV – disse Lukas Brud, secretário do IFAB.

Serão apresentadas análises de situações envolvendo o AV que ocorreram na primeira fase dos testes, com foco especial na comunicação entre o árbitro e o AV e a aplicação do protocolo. O diretor técnico do IFAB, David Elleray, vai explicar os aspectos mais importantes da preparação dos árbitros e demonstrar como o treinamento da arbitragem deve ocorrer para o sucesso do experimento.

Além disso, o departamento de Inovação Tecnológica da FIFA, chefiada por Johannes Holzmüller, vai compartilhar a experiência com o uso da tecnologia e sobre os procedimentos de implementação e configuração dela, bem como a padronização do equipamento, que será um elemento importante na decisão final sobre o uso do AV, que ocorrerá no Assembleia Geral Anual do IFAB em março de 2018.

Durante o evento também será apresentado o relatório sobre um estudo do experimento do AV, conduzido pela universidade KU Leuven (Bélgica) de maneira independente, que tem o foco nas decisões da arbitragem e os impactos nas partidas, além do ponto de vista de diferentes partes interessadas na tecnologia.

O IFAB, em conjunto com a FIFA, supervisionam todos os experimentos ao redor do mundo para garantir sua eficácia. A decisão final deve ser tomada até 2018 ou, no máximo, em 2019.

Os detalhes do workshop podem ser vistos neste link (em inglês).

Campeonato Alemão terá mulher como árbitra principal

Bibiana Steinhaus, de 38 anos, é policial, já apitou partidas de segunda divisão e teve problemas com Guardiola em 2014, quando era quarta árbitra.

O Campeonato Alemão terá uma grande novidade em seu quadro de arbitragem para a temporada 2017/18. Pela primeira vez na história, uma mulher ser árbitra principal da primeira divisão do país. Bibiana Steinhaus, de 38 anos, vinha trabalhando como quarta árbitra e chegou a apitar partidas de divisões inferiores e da Copa da Alemanha. A Federação Alemã de Futebol confirmou sua promoção nesta sexta-feira.

– Esse sempre foi meu sonho. O fato de que este sonho agora se tornará realidade, é claro, me enche de uma alegria muito grande – disse Bibiana em declaração ao site oficial da Federação Alemã de Futebol.

A árbitra alemã é policial de profissão, mas faz parte do quadro de arbitragem da Federação Alemã de Futebol desde 1999. Em 2003, apitou a decisão da Copa da Alemanha feminina. Em 2005, se tornou árbitra oficial da FIFA e em 2007 começou a apitar jogos de futebol masculino. Ela carrega a experiência de ter atuado em partidas do Mundial feminino e também das Olimpíadas.

Bibiana Steinhaus já se envolveu em algumas polêmicas no futebol alemão, sem nunca perder sua postura firme. Em 2014, em uma partida da Copa da Alemanha entre Bayern de Munique e Borussia Monchengladbach, Pep Guardiola foi bastante rude ao reclamar do tempo de acréscimo. Primeiro, apertou sua mão com força, e depois colocou a mão no ombro da árbitra para fazer novas ponderações.

Em outra situação, em 2015, ela foi desrespeitada pelo meia Kerem Demirbay, do Fortuna Düsseldorf, após expulsá-lo em uma partida da segunda divisão. O jogador saiu de campo dizendo que “futebol é coisa de homem” e acabou punido pelo clube, que o obrigou a apitar uma partida de futebol feminino. Demirbay se desculpou com a árbitra e o público após o ocorrido.

Fonte: Globo Esporte

Categorias:Notícia Tags:, ,

Ranking da arbitragem no Brasileirão 2017 – 1ª rodada

A Comissão de Arbitragem da CBF vai premiar os melhores árbitros no fim do Brasileirão 2017. Os vencedores serão determinados pela soma da pontuação contabilizada durante todo o campeonato. Este ano, o ranking está sendo elaborado a partir dos dados do sistema de análise de desempenho usado pela entidade.

O presidente da Comissão de Arbitragem, Marcos Marinho, explicou que as notas dependem da performance em cada rodada, levando em consideração quesitos técnicos, físicos e mentais.

– Na parte técnica, são avaliados itens como os critérios adotados, marcação de faltas e aplicações de cartões. Pelo lado físico, a análise considera questões como posicionamento, velocidade de deslocamento e tempo de reação. Já no mental, entra os fatores emocionais, como a postura e o controle da partida – informou Marinho.

No decorrer da competição, a CBF vai divulgar as melhores equipes de arbitragem, de acordo com o trabalho de seus respectivos integrantes nos jogos do Brasileirão. Confira os nomes e partidas em que atuaram.

ARBITRAGEM – BRASILEIRÃO – 1ª RODADA

Bahia 6 x 2 Atlético-PR – 14 de maio, domingo (16h) – Fonte Nova, Salvador (BA)

Árbitro: Flavio Rodrigues de Souza (AB/SP)
Árbitro Assistente 1: Daniel Paulo Ziolli (CBF/SP)
Árbitro Assistente 2: Daniel Luis Marques (CBF/SP)
Quarto Árbitro: Ricardo Pavanelli Lanutto (CBF/SP)
Árbitro Assistente Adicional 1: Leandro Bizzio Marinho (AB/SP)
Árbitro Assistente Adicional 2: Rafael Gomes Felix da Silva (CBF/SP)

Palmeiras 4 x 0 Vasco – 14 de maio, domingo (16h) – Allianz Parque, São Paulo (SP)

Árbitro: Rodolpho Toski Marques (FIFA/PR)
Árbitro Assistente 1: Bruno Boschilia (FIFA/PR)
Árbitro Assistente 2: Victor Hugo Imazu dos Santos (CBF/PR)
Quarto Árbitro: Rafael Trombeta (CBF/PR)
Árbitro Assistente Adicional 1: Paulo Roberto Alves Junior (AB/PR)
Árbitro Assistente Adicional 2: Fabio Filipus (CD/PR)

Cruzeiro 1 x 0 São Paulo – 14 de maio, domingo (16h) – Mineirão, Belo Horizonte (MG)

Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (AB/RJ)
Árbitro Assistente 1: Dibert Pedrosa Moises (CBF/RJ)
Árbitro Assistente 2: Michael Correia (CBF/RJ)
Quarto Árbitro: Carlos Henrique Alves de Lima Filho (CBF/RJ)
Árbitro Assistente Adicional 1: Leonardo Garcia Cavaleiro (AB/RJ)
Árbitro Assistente Adicional 2: Carlos Eduardo Nunes Braga (CD/RJ)

Fonte: CBF

Categorias:Notícia Tags:, , ,

CBF divulga lances comentados da primeira rodada do Brasileirão 2017

A Comissão de Arbitragem da CBF divulgou, nesta terça-feira (16), o primeiro pacote de “Decisões da Arbitragem” nas rodadas de abertura das Séries A e B, com comentários e análises. Ao todo, oito lances em sete jogos diferentes foram elencados, sendo sete na Série A e um na Série B.

Como informado na última semana, a CA vai divulgar ao fim da rodada do Campeonato Brasileiro vídeos com lances duvidosos das partidas, comentando as questões relevantes para levar ao público uma análise constante do trabalho.

Clique aqui para acessar a página das Decisões da Arbitragem.

Vídeos explicativos

Organizado por Ana Paula Oliveira, coordenadora nacional de Instrução, e por Alício Pena Júnior, presidente interino da Escola Nacional de Arbitragem de Futebol (ENAF), o trabalho também conta com um pacote de dados e vídeos que facilitam o entendimento das determinações do IFAB/FIFA.

Na parte denominada “Padrão de Arbitragem”, foram disponibilizados oito capítulos: “Golpear ou tentar golpear um adversário”, “Falta tática”, “Conduta violenta”, “A reclamação acintosa não será permitida”, “Entradas e Disputas”, “Tocar a bola com a mão”, “Comemoração de gol excessiva será punida” e “Invasão de campo na comemoração de gol será punida”.

Fonte: CBF

Categorias:Notícia Tags:, ,
%d blogueiros gostam disto: