Arquivo

Posts Tagged ‘Sálvio’

Candidato a juiz – reporter da ESPN encara o desafio nos gramados

A ESPN Brasil iniciou uma série de reportagens sobre a arbitragem de futebol, onde o repórter Mendel Bydlowski aceitou o desafio de aprender mais sobre a profissão e as regras e encarar uma partida de futebol.

A reportagem, que conta com a curadoria do ex-árbitro Sálvio Spínola, busca entender mais a fundo como funciona este lado do futebol que é sempre incompreendido, trazendo o lado humando da figura dos árbitros e expondo as dificuldades de ser um profissional do apito.

Confira os vídeos das reportagens aqui:

Episódio 1

Episódio 2

Episódio 3

Episódio 4

Categorias:Notícia, Video Tags:

Antes, durante e após o jogo: como funciona o trabalho da equipe de arbitragem

Você sabe como funciona o trabalho da equipe de arbitragem? Não?! Então, esse é o vídeo certo para você.

espn-arbitragem

O reporter José Renato Ambrósio e o ex-árbitro e comentarista Sálvio Spinola, amboas da ESPN, acompanharam o quarteto que apitou a final da Copa do Brasil sub-20 na semana passada e mostram, em detalhes, todo o fluxo. Confira a reportagem neste link.

Categorias:Notícia Tags:,

Comentarista de arbitragem e ex-árbitro Sálvio Spínola compara gestão da CBF

De Ivens Mendes a Sérgio Correa: O que mudou no apito brasileiro?

Elaborei o quadro abaixo para mostrar ao fã de esporte o que mudou na arbitragem nessas quase três décadas, comparando quando comecei na arbitragem, no início dos anos 90, quando meu primeiro chefe em nível nacional foi Ivens Mendes (in memorium) com os dias atuais, em que a arbitragem é comandada por Sérgio Correa.

É lógico que o título deste post também poderia ser de Ricardo Teixeira a Marco Polo Del Nero.

Vale esclarecer que, nesses 26 anos, a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) teve seis presidentes de Comissão de Arbitragem: Ivens Mendes, Armando Marques (in memorium), Edson Resende, Antonio Pereira, Aristeu Tavares e Sérgio Correa.

Quando comecei no apito, já escutava falar em profissionalização, dedicação exclusiva, mudanças e melhores condições de trabalho.

salvio-espn-comparacao-cbf

Fonte: ESPN

Categorias:Notícia Tags:

Sálvio Spinola será inspetor nas Eliminatórias

O ex-árbitro internacional, Sálvio Spinola foi designado pela Conmebol para ser o inspetor da partida entre Peru e Venezuela, válida pelas Eliminatórias da Copa do Mundo 2014.

Sálvio é baiano, mas fez toda sua carreira de árbitro no estado de São Paulo. Em 2011 foi o árbitro da final da Copa América, entre Uruguai e Paraguai, e em seguida se aposentou do apito, no topo de sua trajetória profissional.

Parabéns!

Márcio Rezende é o primeiro brasileiro em lista de melhores árbitros do século

08/02/2012 1 comentário

O mineiro Márcio Rezende de Freitas é o brasileiro melhor colocado em uma lista dos grandes árbitros do século, divulgada nesta quarta-feira pela IFFHS (Federação de História e Estatística do Futebol). O ex-juiz aparece na 34ª posição da relação, encabeçada pelo alemão Markus Merk.

Neste século, Rezende de Freitas tem como momento polêmico a atuação na partida decisiva entre Corinthians e Inter no Campeonato Brasileiro de 2005, em que teria prejudicado os gaúchos com a expulsão do volante Tinga após uma dividida na área paulista com o goleiro Fábio Costa.

O Brasil tem outros representantes entre os 70 melhores do século, de acordo com avaliação da IFFHS. Carlos Eugênio Simon aparece em 39º lugar, enquanto que Sálvio Spinola é o número 44.

Entre os dez primeiros, destaque para o italiano Pierluigi Collina, que apitou a final da Copa de 2002 entre Brasil e Alemanha.

Dois nomes de arbitragens polêmicas na última Copa também estão entre os dez. O inglês Howard Webb é o 10º lugar. Ele ficou conhecido por mediar a final mais violenta da história dos Mundiais, em que, por exemplo, o holandês Nigel de Jong acertou o espanhol Xabi Alonso com uma voadora (e escapou do vermelho).

O uruguaio Jorge Larrionda é o segundo colocado da lista. O sul-americano ficou para a história das Copas por não enxergar um gol legal de Frank Lampard no duelo entre Inglaterra e Alemanha nas oitavas de final de 2010. Na jogada em questão, a bola disparada pelo inglês tocou no travessão e caiu dentro da armação de traves. Os alemães acabaram vencendo o confronto.

Gaciba divulga lista de árbitros FIFA 2012

30/12/2011 1 comentário

O éx-árbitro Leonardo Gaciba, atual comentarista de arbitragem na SporTV e Rede Globo, divulgou em seu blog a análise sobre a provável lista de árbitros FIFA para o ano de 2012. Confira!

Texto do blog do Gaciba:

De forma oficiosa confira as mudanças que deverão ocorrer no quadro Brasileiro da FIFA para a temporada de 2012.

No quadro de árbitros assistentes masculino a troca de Erich Bandeira (alcançou o limite de idade de 45 anos) deverá ser pelo competente assistente Goiano Fabricio Vilarinho da Silva que já vinha “beliscando” a vaga há algumas temporadas.

No quadro masculino de árbitros nenhuma troca por “idade limite”!

A primeira vaga é a de Sálvio Spinola Fagundes Filho que foi retirado da lista por não possuir idade para concorrer a uma vaga na Copa do Mundo no Brasil (mesmo tendo idade para permanecer no quadro Internacional por mais dois anos e sendo o número um do ranking da CBF). Preferindo encerrar sua carreira “no topo” Sálvio decidiu parar ao invés de permanecer por dois anos no quadro especial (ex-FIFA). Para o seu lugar a CBF propõe o nome do alagoano Francisco Carlos Nascimento, o Chicão, dando pela primeira vez na história um escudo da FIFA para um árbitro daquele estado.

A segunda e disputada troca é o retorno do árbitro do Rio de Janeiro Péricles Bassols Cortez que, após ter permanecido um ano fora da FIFA como árbitro especial retorna ao quadro. O interessante é que em Janeiro de 2011, Péricles “cedeu” a vaga ao seu conterrâneo Gutemberg de Paula Fonseca que, após uma temporada onde não conseguiu “firmar” seu nome no quadro, dia primeiro irá “devolver” o escudo.

Oficialmente a confirmação se dá no dia 1º de Janeiro, mas se tudo correr conforme o proposto pela CBF estes deverão ser os nomes do quadro Brasileiro:

Destacados em verde os “novos” nomes do quadro:

Já no quadro feminino, uma revolução! Entram 5, ficam 3!

Priorizando a forma física (já que o Brasil teve vária árbitras e assistentes “devolvidas” em competições e cursos internacionais por não obterem êxito nos testes físicos) o quadro será formado por 8 árbitras (essa é a proposta!). Restando apenas uma confirmação, confira o nome das 4 centrais e 4 assistentes do Brasil para 2012.

Árbitras que ficaram: Ana Karina Marques Alves (PE) e Simone Xavier de Paula e Silva (RJ).

Árbitras que ingressam: Daniela Coutinho (BA) e Regildênia de Holanda Moura (SP).

Assistente que ficou: Katiuscia Mayer Berger Mendonça (ES).

Assistentes que ingressam: Janette Mara Arcanjo (MG), Lilian da Silva F. Bruno (RJ) e Tatiana J. de Freitas (RS).

Relembro que oficialmente só no dia primeiro, mas dificilmente a FIFA irá revogar o desejo da CBF!

Abraços e sorte para os que entram! Que possam representar a arbitragem Brasileira de forma honrosa!

Fonte: Blog do Gaciba
Link: http://sportv.globo.com/platb/blog-do-gaciba

Sálvio Spinola confirma aposentadoria da arbitragem

O árbitro Sálvio Spinola Fagundes Filho confirmou, em nota oficial, a aposentadoria dos campos. Spinola, que em 2012 não faria mais parte do quadro da FIFA, pois não teria mais idade para participar de competições internacionais, disse que a decisão foi tomada em conjunto com a família, entendendo que já conquistou todos os objetivos possíveis na profissão.

Após ter apitado 895 jogos profissionais, o juiz ainda esclareceu que nunca foi pedido a ele nada pela Comissão de Arbitragem da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). De acordo com Spinola, a ele era apenas exigido o “cumprimento das regras”.

Nesta segunda, Sálvio Spinola participou da abertura do XVIII curso do Sindicato de Treinadores de Futebol Profissional do Estado de São Paulo. O evento estava marcado para acontecer na sede da Federação Paulista de Futebol (FPF), a partir das 18h (de Brasília).

Veja o comunicado de Sálvio Spinola na íntegra:

“Diante do que foi noticiado pela imprensa, eu, Sálvio Spinola Fagundes Filho venho a público fazer alguns esclarecimentos sobre o término da minha carreira na arbitragem.
Fui comunicado pela Comissão de Arbitragem da CBF, que no ano de 2012 não farei mais parte do quadro da FIFA, por não ter idade para participar de futuras competições internacionais. Procedimento já adotado em anos anteriores com outros árbitros do quadro da FIFA. No ano de 2010, já havia sido comunicado, pela Comissão de Arbitragem, dessa intenção.
A Comissão de Arbitragem propôs que eu continuasse atuando nos dois anos restantes da minha carreira, sem a condição de Árbitro FIFA, por estar atuando em alto nível e em excelente forma física.
Sempre tive uma conversa franca e leal com a Comissão de Arbitragem sobre os rumos da minha carreira.
Esclareço também que não é verdade que eu tenha recebido qualquer tipo pedido por parte da Comissão de Arbitragem. Nunca tive conversas neste nível, somente a exigência do cumprimento das regras.
Estive trabalhando normalmente neste Campeonato Brasileiro. Nas últimas duas rodadas não participei dos sorteios porque cumpri escala da FIFA em partida das Eliminatórias da Copa, Colômbia X Argentina. Na rodada 33 trabalhei no jogo Atlético PR X Atlético GO.
A decisão por encerrar a carreira foi em conjunto com minha FAMÍLIA, por entendermos que já atingi os objetivos possíveis, representando a arbitragem brasileira em vários jogos e competições internacionais.
Após ter apitado 895 jogos profissionais, 43 jogos entre seleções, representando a FIFA, a CONMEBOL, a CBF e a FPF em 21 anos de dedicação a arbitragem, agradeço a todos os profissionais envolvidos neste esporte tão apaixonante como é o FUTEBOL.
São Paulo, 19 de novembro de 2011.
Sálvio Spinola Fagundes Filho”.

Fonte: Terra
Link: http://esportes.terra.com.br/futebol/noticias/0,,OI5479447-EI1832,00-Apos%20atingir%20objetivos%20possiveis%20Salvio%20Spinola%20confirma%20aposentadoria.html

Categorias:Notícia Tags:,

Time da Paraíba paga arbitragem com notas falsas

O Treze, time de Campina Grande (PB) que joga a Série D do Brasileiro, pagou a taxa de arbitragem aos três juízes que apitaram seu último jogo com notas falsas de R$ 50.

Os árbitros, dois da FIFA e um da CBF, só perceberam horas após o jogo, quando abriram envelopes de dinheiro entregues no estádio Amigão, em Campina Grande.

O Treze empatou em 3 a 3 com o Santa Cruz-PE pelas quartas de final da Série D. O jogo da volta, em Recife, está marcado para este domingo. Quem vencer está na Série C.

Sálvio Spínola, o juiz principal, e seus auxiliares Alessandro de Matos e Lorival das Flores receberam cerca de R$ 8.000 do clube mandante, uma parte em notas falsas.

Eles comunicaram a federação paraibana, que informou o clube sobre o assunto.

“Se isso aconteceu mesmo, a responsabilidade é toda nossa, e vamos ressarcir os árbitros”, disse Fábio Azevedo, presidente do Treze.

Segundo o cartola, o dinheiro usado no pagamento aos juízes veio direto da bilheteria. “Nosso diretor financeiro está viajando. Quando ele voltar, vamos apurar isso. Talvez nós mesmos tenhamos recebido dinheiro falso.”

Miguel Felix, que foi o assessor de arbitragem da CBF na partida, disse que os dois auxiliares prestaram queixa à polícia. Os 11.345 ingressos vendidos para o jogo renderam ao todo R$ 130.700,00.

Sálvio Spínola, que apitou a final da última Copa América, não respondeu ao pedido de entrevista da Folha.

Fonte: Folha de SP
Link: http://www1.folha.uol.com.br/esporte/989765-na-serie-d-time-da-paraiba-paga-arbitragem-com-notas-falsas.shtml

Categorias:Notícia Tags:

Sálvio Spínola apita final da Copa América 2011

O árbitro paulista Sálvio Spínola Fagundes Filho foi o escolhido pela Conmebol para apitar a final da Copa América 2011 na Argentina, onde se enfrentam Uruguai e Paraguai, no próximo domingo (24), no estádio Monumental Antonio V. Liberti, de Buenos Aires.

Oriundo de Urandí, estado da Bahia, Sálvio, de 42 anos, é advogado e economista. Em sua carreira internacional apitou partidas das Eliminatórias Sulamericanas para a Copa do Mundo de 2010, o Mundial Sub-17 na Coréia em 2007, o Sulamericano Sub-20 a Venezuale em 2009 e a Copa Libertadores e Copa Sulamericana. Tem experiência de sobra na bagagem.

Sálvio se tornou parte do quadro da FIFA em 2005 e é a primeira vez na Copa América, onde comando Argentina x Colômbia e Chile x Peru.

Um brasileiro não comandava uma final de Copa América desde 1993, com Márcio Rezende de Freitas.

Wilmar Roldán, da Colômbia, estará a cargo da partida que decide terceiro e quarto colocados, entre Peru e Venezuela.

Confirma a escala de árbitro para as partidas finais:

Uruguai x Paraguai – Final Copa América 2011
Buenos Aires, 24/07/2011 – 16:00hs.
Árbitro: Sálvio Spínola (BRASIL)
1o. Árbitro assistente: Márcio Santiago (BRASIL)
2o. Árbitro assistente: Francisco Mondría (CHILE)
4º Árbitro: Enrique Osses (CHILE)

Peru x Venezuela – 3o/4o colocados da Copa América 2011
La Plata, 23/07/2011 – 16:00hs.
Árbitro: Wilmar Roldán (COLÔMBIA)
1o. Árbitro assistente: Humberto Clavijo (COLÔMBIA)
2o. Árbitro assistente: Luis Alvarado (EQUADOR)
4º Árbitro: Carlos Vera (EQUADOR)

Vulcão chileno obriga árbitros a viajar por terra na Copa América

As cinzas do vulcão chileno Puyehue que andou provocando o cancelamento de vários voos na Argentina foram a principal causa de uma situação nada confortável para os 24 árbitros da Copa América. Para evitar problemas durante o torneio, a comissão de arbitragem da Conmebol determinou que todos os deslocamentos dos quadros de arbitragem fossem sendo feitos por via terrestre.

O brasileiro Sálvio Spínola Fagundes Filho, que será o quarto árbitro da partida entre Uruguai e Peru, nesta segunda-feira, pelo jogo de abertura o Grupo C, precisou viajar de van com outros colegas durante 11h.

– Saímos de Córdoba às 8h e chegamos aqui em San Juan quase às 19h. Com esse problema dos aeroportos o comitê organizador achou melhor nos agruparmos no centro do país para usar um tipo de deslocamento mais seguro, sem correr riscos. Vamos ter que nos adaptar a isso porque será assim daqui pra frente – disse Sálvio ao GLOBOESPORTE.COM.

Em Córdoba, todo quadro de arbitragem está reunido e, de lá, partem as conduções até as cidades-sede. As longas viagens e o desconforto fazem com que os juízes tenham que dobrar a atenção na preparação para as partidas, ainda mais com o frio que assola a Argentina neste inverno.

– Temos que nos agasalhar bem, aquecer bem, fazer o alongamento correto porque a nossa preocupação é com lesões. Se não estivermos muito bem preparados, com essa temperatura baixa o árbitro também pode sofrer uma lesão e ficar fora da competição – alertou o árbitro da Federação Paulista de Futebol.


Sálvio Spínola garante que antes de ser árbitro é um brasileiro e por isso quer ver o time de Mano Menezes campeão da Copa América, mesmo que para isso perca as chances de apitar a decisão do torneio.

Mas mesmo com a competição ainda em seu início, ele já aproveita os momentos de lazer para tirar sarro com os colegas.

– A gente tem que se descontrair, afinal estamos juntos, muitos dias longe da família, do país. Então temos que conviver e harmonia. E no que diz respeito a títulos mundiais, temos que brincar sim, mostrar o agasalho, mostrar que temos muito mais estrelas que todos eles juntos – brincou o árbitro enquanto mostrava o escudo da CBF e as cinco estrelas do Penta.

Fonte: Globo.com

%d blogueiros gostam disto: